22/06/2017

Sobre você, Dylan e eu


Quando te conheci, estava recém-apaixonada pelo Dylan.

Eu amava genuinamente tudo o que ouvia dele. Enxergava perfeição em cada uma de suas palavras e acreditava que toda aquela euforia era algo extremamente novo e jamais sentido. Disse, algumas vezes, que eu “me envolvi com Dylan na hora certa”. O amor ter acontecido naquela ocasião explicava perfeitamente o porquê do não encantamento (não) sentido antes.

“Timing”

“Tinha que ter sido naquele momento”

“Era pra ter sido daquele jeito” 

Com você, foi mais ou menos assim, também. Tínhamos que ter nos conhecido naquela terça-feira de abril e não em outubro. Tínhamos que ter dividido aquele pão de batata na madrugada, não podia ter sido um lanche. Estávamos acontecendo rápido e, mesmo bagunçado e veloz, tudo fazia perfeito sentido. Se encaixava de um jeito que a gente até acreditava ser inédito.

Era amor embalado com alguns de seus mais intensos arranjos. 

Tinha que ter sido naquele momento. 

Era pra ter sido daquele jeito.   

-

Nossa história começou no dia em que assistia Im not there e, enquanto eu procurava a legenda certa, comentei uma foto corriqueira do seu Instagram. Ela teve sua primeira ruptura pouco antes de ouvir One Too Many Mornings naquela segunda-feira. Tinha que ter sido aquela música para aquele momento, não era apenas uma coincidência gostosa proporcionada pelo shuffle do Spotify.

Era destino – como eu gosto de romantizar.

-

Nosso amor aconteceu na minha fase de extrema paixão pelo artista.

Nossa história terminou com outras de suas palavras.

--

Por mais que você não tenha me apresentado Dylan, inevitavelmente ele me lembrará de você. Não é porque você me disse que era apaixonado por folk, ou porque já me mostrou um vídeo tocando uma de suas músicas.

É porque o Dylan narrou nossa história.

Curta e veloz.

Mas nem um pouco insignificante.

Um comentário:

  1. Espero que você apenas tenha publicado esse texto no blog. A pessoa tem que ser incrível demais para ganhar algo tão lindo feito por você =] e no caso...

    ResponderExcluir

My Other Bag Is Chanel © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.