28/07/13

5 razões para você assistir Crazy, Stupid, Love

Robbie: If you love her, then go get her back. 
Cal: Wow, how old are you? 
 

Fazia um tempo que eu queria assistir esse filme, mas sempre arrumava uma razão para não ver. Até ontem.  O filme estrelado por Steve Carell, Juliane Moore, Ryan Gosling e Emma Stone é tudo o que a gente quer em um longa: romance, drama e comédia. E ele consegue unir esses três gêneros em 118 minutos. Reuni 5 motivos que vão fazer você assistir esse filme - eu poderia colocar bem mais, mas como minhas listas sempre são compostas por 5 itens, aí vai.

5- O cotidiano 



O que me encantou, a princípio, no filme, é que não é uma comédia fantasiosa. Ela expõe coisas normais, como o adolescente apaixonado, a esposa insatisfeita, o marido seguro, o cafajeste, enfim. A história gira em torno do pedido de divórcio feito por Emily (Juliane Moore) - que vive a esposa insatisfeita - ao marido Cal (Steve Carell) que faz o papel do marido seguro. Você acompanha os dramas, inseguranças e situações que são possíveis de serem vivenciadas (com exceção a um Ryan Gosling te levantando como em Dirty Dancing. Mas quem poderia, porque né... ♥).

4- Os personagens 


Não tem nada que eu goste mais do que personagens bem construídos. E disso eu não posso reclamar em Crazy, Stupid, Love. Você consegue entender a personalidade de cada um e é disso que precisamos para que haja uma identificação. Pra mim, quem ganha o destaque é o Robbie, o adolescente de 13 anos que está vivendo seu primeiro amor. As frases que mais tocam são ditas por ele, as situações que mais te fazem pensar, são vivenciadas por ele... Pelo menos um pouquinho você tem que se identificar. Eu sei que na foto coloquei o Jacob, o cafa, mas é que eu precisava colocar essa foto em alguma categoria. Obrigada, de nada.

3- É uma "dramédia" romântica
 

Nós somos apaixonados por clichês. Eu, principalmente. Ontem, enquanto assistia, eu virava e comentava "Ah, ele falou isso porque já passou por algo igual, não é? Eu sempre acerto" e não, não era. Não acertei nada porque o filme fugia desse clichê com o qual estamos acostumados e, mais uma vez, acontece por ser algo extremamente próximo ao cotidiano. A história não tem nada de diferente: é um divórcio e mostra a adaptação de um homem que nunca ficou solteiro ao novo mundo dos solteiros. Mas é justamente pela exposição de sentimentos e situações que ele se diferencia. Em um minuto você está com o coração partido, no seguinte, está rindo. E esse é o grande diferencial pra mim.

2- É uma história sobre o amor ♥
 


A última vez que vi um filme que dizia ser "sobre o amor", fiquei arrasada com 500 Dias Com Ela, que apesar de ser extremamente real, me deixou triste. Com Crazy, Stupid, Love, é mais ou menos assim também, mas ainda mais real: você vê o amor e seus estágios. Você vê o amor desenfreado e puro, como o de Robbie, o amor de Jacob que desperta quando ele menos imagina, o amor fantasioso de Jess por Cal, o amor de Cal pela esposa Emily, Emily que não sabe o que sente, mas sente e sente muito... Ele retrata as incertezas e as fases do sentimento mais explorado no cinema. E não tem como não te deixar pensando. Por falar nisso...

1- É um filme que te faz pensar


Foi a frase que eu disse assim que terminei de ver o filme, porque realmente me fez pensar bastante. Essa mistura de sentimentos e situações fazem, mesmo que indiretamente, que você fique em dúvidas sobre o que sente (ou não). Não é o que se espera de um filme classificado como comédia romântica, então, considere este, justamente, a principal razão pela qual você tem que assistir.

4 comentários:

  1. Aii eu adorei esse filme. Assisti logo qdo saiu em DVD com meu boyfriend, e ele tbém adorou mto. É realmente um drama/comédia mto bem construído, e ele realmente faz vc pensar.
    Melhor parte pra mim é qdo Emma Stone diz q o Ryan parece fotoshopado rs. Sempre curo mais a comédia q o drama.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai eu também gostei mais da comédia (sempre, na verdade), mas não consigo não ficar pensativa quando envolve um drama HAHAHA começo a me identificar (mesmo que seja com a cor da camiseta do personagem hahahaha).

      E essa parte da barriga do Ryan, gente, que que é aquilo, é praticamente uma falta de respeito com o resto das barrigas do mundo AUHEUIAEHAUIHEUIAHE ♥

      Excluir
  2. Eu já perdi a conta de quantas vezes eu já assisti esse filme, toda vez que vejo na programação da TV eu assisto!

    "E essa parte da barriga do Ryan, gente, que que é aquilo, é praticamente uma falta de respeito com o resto das barrigas do mundo AUHEUIAEHAUIHEUIAHE ♥ - 2"

    ResponderExcluir
  3. Depois desse post não tem como não colocar o filme na lista dos: Preciso assistir logo.

    Beijos
    Pepper Lipstick

    ResponderExcluir

MY OTHER BAG IS CHANEL © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.