30/01/13

Por que assistir: True Blood

True Blood é uma série americana inspirada na série 'Sookie Stackhouse Novels', da escritora Charlaine Harris. Sookie é uma garçonete que consegue ler os pensamentos das pessoas, e que se apaixona por Bill Compton, um vampiro cujos pensamentos ela não pode ler. Graças à esse amor por Bill, ela se enfia nas encrencas mais absurdas e conhece Eric Northman, outro vampiro, que também se interessa por ela.


Porque assistir: Eu não sou fã de histórias muito melosas, onde o foco principal é um amor sofrido. Pode até parecer à primeira vista, mas True Blood não é assim. Todos os personagens que giram em torno dos protagonistas (Sookie, Bill e Eric), tem suas próprias histórias, que são ótimas. A série vai entrar em sua sexta temporada a partir de Junho. Aliás, esse é o lado ruim de acompanhar True Blood: cada temporada tem contados 12 episódios, e só estreiam em Junho de cada ano. Mas vale muito a pena esperar. Não quero soltar spoilers, por isso vou destacar dois personagens que você deve amar:

Eric Northman - Vampiro Xerife, viking, tem mais de dois mil anos. É dono do bar Fangtasia, frequentado por humanos e vampiros, e é louco pra dar umas mordidas na Sookie. Ele e Bill não se bicam muito, o que acaba o tornando antagonista.
Eric é extremamente sedutor e cavalheiro quando lhe convém, como também sabe ser sádico e cruel. Acaba conquistando quem ele quer com seu jeito, e intimida pelo seu tamanho. Não que seja muito difícil conquistar alguém quando se é assim:


Pam - vampira fiel à Eric, o ajuda a comandar o Fangtasia. É linda, poderosa, sarcástica e nem um pouco amável, mas ainda sim não tem como não adorá-la. É impaciente, teimosa e só obedece ao Eric. Além das roupas maravilhosas e dos sapatos lindos que ela usa, é claro. Qualquer cena com a Pam é garantia de ser ótima. Ela não se importa em ser desagradável, fútil e insuportável. Não sei vocês, mas eu adoro personagens assim.


Em resumo, True Blood é uma série que, mesmo com episódios durando aproximadamente 55 minutos, é incrível. Cada episódio te prende de uma maneira que, quando acaba, você espera pelo outro ansiosamente. Há quem diga que a série se perdeu na quinta temporada, mas eu não achei. É um suspense muito bom, que sabe prender quem assiste, e se você assistir um episódio pra "ver no que dá", vai acabar acompanhando a série toda.

Não falei muito da Sookie, a protagonista, porque a acho a personagem mais chata. Mas o que vocês precisam saber dela é exatamente isso: uma garçonete que ouve os pensamentos dos outros, menos dos vampiros. Se eu falar mais, acabo soltando spoilers.

Uma observação: A série de livros 'Sookie Stackhouse Novels' é recomendadíssima por mim. São livros ótimos de ler, e tem mais riqueza de detalhes do que a série. E da mesma autora, também existe a "Harper Conelly Mysteries", história de uma garota que descobre a causa da morte da pessoa tocando em seu cadáver. Parece bobo, eu sei, mas acredite em mim, é uma série viciante, com três livros lançados no Brasil (todos à venda na Saraiva, Submarino e etc).

Um comentário:

  1. Esta série me deixou muitas perguntas, para começar não quero que isso acabe sangue fresco tem muito mais a dizer, em segunda que isso aconteça com pessoas como Eric com ele que nos deixou intriga completa com a suposta morte e finalmente a acontecer com esta guerra entre vampiros e humanos.

    ResponderExcluir

MY OTHER BAG IS CHANEL © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.